Leis da Consciência Superior – Lei Espiritual da DISCRIMINAÇÃO E DISCERNIMENTO

Quanto mais evoluídas forem nossas almas, mais esperamos discriminar e discernir; e, claro, somos testados pelo Universo neste aspecto ao longo da nossa vida.

Se você deu orientação, contou algo para alguém, conheceu uma nova pessoa ou lhe foi oferecido um trabalho – verifique internamente como se sente sobre isso.

 

Quando trabalhamos com as forças do Universo, devemos sempre usar a discriminação e o discernimento. Se alguma impressão ou sentimento não foi sentida como correto para você, cabe a você ouvir sua intuição, ser discernido e, então, fazer a escolha certa.

Nossa intuição (ou instinto) nos diz se alguém está sendo honesto ou não. Freqüentemente, ignoramos isso porque nossa mente lógica argumenta contra  ou porque não queremos acreditar. Nós passamos por cima e ignoramos nossa intuição. Se não discernirmos, iremos suportar o karma resultante.

É nossa responsabilidade ter discernimento em nossas vidas.

“Seu instinto é a sua bússola interior”.
– Oprah

http://universalspirituallaws.blogspot.com.br/2010/09/spiritual-law-of-discrimination-and.html

 

*
Joanne Walmsley
Scribes sagrados